Liga das Nações - Masculino

  • Crédito: FIVB

    Argentinos comemoram vitória inédita sobre o Brasil, conseguindo pela primeira vez impôr um 3 a 0.

Brasil entra na "pilha" argentina e perde

É a primeira vez que o time nacional sofre derrota por 3 a 0 para rivais em torneios da FIVB
Por: Redação - 24/06/2018 01:33:48
1.955 visualizações

No 40º duelo entre Brasil e Argentina em torneios chancelados pela FIVB, o time nacional sofreu uma derrota histórica na madrugada deste domingo (pelo horário de Brasília), em Melbourne, na Austrália, no jogo que fechou a participação das duas seleções na fase classificatória da Liga das Nações. Pela primeira vez, o Brasil perdeu por 3 a 0 para a Argentina (23-25, 22-25, 21-25).

Já classificado para a Final Six, que acontece de 4 a 8 de julho em Lille, na França, o Brasil voltou à quadra cerca de 14 horas depois de ter vencido a Polônia por 3 a 1, desta vez para encerrar a semana 5. A Argentina, sem chance de classificação, pôs “pilha” na seleção, com suas manjadas provocações, e acabou conseguindo o resultado. Alguns jogadores assimilaram a marra argentina e esqueceram de jogar.

Resultado: o Brasil fez um de seus piores jogos e acabou sofrendo a 5ª derrota para a Argentina em torneios chancelados pela FIVB. A seleção soma 35 vitórias, mas já perdeu duas seguidas para os rivais sul-americanos. Na fase classificatória da Liga Mundial, em 2017, foi derrotada por 3 a 1. O duelo também marcou a despedida do técnico Julio Velasco da Argentina. Ele vai assumir o Azimut Modena, da Itália, enquanto Marcelo Mendez, do Sada Cruzeiro, comandará a Argentina.

Do lado brasileiro, Evandro foi o principal pontuador, com 11 acertos. Na Argentina, Bruno Lima conseguiu 10 pontos. Agora, a seleção retorna para o Rio, onde se concentra para a Final Six. Além do Brasil, Rússia, Estados Unidos e a anfitriã França estão classificados. As últimas duas vagas serão definidas neste domingo, entre Sérvia, Polônia e Itália. Sérvios e poloneses dependem apenas de vitórias por 3 a 0 ou 3 a 1 para classificar.

O sérvios enfrentam a China em Jiangmen, enquanto os poloneses duelam contra a Austrália, em Melbourne. Já a Itália encara os Estados Unidos, em Modena.

Brasil
Bruninho, Evandro, Isac, Éder, Douglas Souza e Thales (líbero)
Entraram: Lucas Loh, Maurício Borges, Léo, William, Wallace, Otávio e Murilo (líbero)
Técnico: Renan Dal Zotto

Argentina
Bruno Lima, Tomas Lopes, Poglajen, Loser, Solé e Danani (líbero)
Entraram: Zanotti, Sanchez, Cavanna, ramos e Massimino (líbero)
Técnico: Julio Velasco

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade