Campeonato Mundial - Masculino

  • Crédito: FIVB

    Douglas Souza e William vibram com ponto do Brasil: mexidas táticas foram decisivas para a vitória.
  • Crédito: FIVB

    Brasileiros vibram com a grande vitória contra a Rússia.

Brasil vence Rússia e antevê semifinal

Seleção perdia por 2 a 0 para a Rússia e foi buscar a virada na abertura do Final Six do mundial
Por: Redação - 26/09/2018 14:43:17

A seleção brasileira masculina venceu a Rússia por 3 sets a 2 (20-25, 21-25, 25-22, 25-23, 15-12), nesta quarta-feira, e deu um passo importante para chegar na semifinal do mundial. Se nesta quinta-feira os Estados Unidos vencerem a Rússia, o Brasil já entra em quadra classificado na sexta-feira, quando enfrenta os norte-americanos.

Foi um jogo digno de mundial, com a Rússia saindo na frente e explorando ao máximo os saques forçados e a defesa na rede, com um desempenho altíssimo em bloqueio. A seleção brasileira se rendeu nos dois primeiros sets, quando o técnico Renan Dal Zotto começou a fazer mudanças estratégicas para quebrar a marcação russa.

A primeira medida foi trocar o levantador. Bruninho cedeu lugar para William, que começou a variar mais a bola. Evandro, Douglas Souza e o líbero Maique também vieram para a quadra e conseguiram salvar o terceiro set. No quarto set, Lipe se reencontrou e Wallace mais ainda. Para se ter ideia. Até o final do segundo set, Wallace, que sempre é o principal pontuador do Brasil, tinha só 8 acertos.

O oposto fechou o jogo com 22 pontos, cravando bolas impossíveis, principalmente no quarto set e no tie-break. Também valeu a perseverança de Lucão, que tentou o jogo todo e no quinto set conseguiu bloquear os russos. Foi a quinta vitória seguida da seleção brasileira sobre a Rússia em mundiais.

Com exceção de Éder, Renan Dal Zotto utilizou todos os jogadores, ou seja, mandou para a quadra 13 atletas. “Alguma coisa precisava ser feita para que o time reagisse. Mostramos que temos um grupo muito forte”, disse Wallace. “Conseguimos levar o jogo para o lado técnico e para o lado tático, e só por esse caminho ganharíamos a partida. Estamos muito felizes, mas acaba aqui. Agora é pensar nos Estados Unidos”, resumiu Renan.

O Brasil busca presença pela sexta vez seguida na semifinal de um mundial. Esteve na fase aguda em 1998, 2002, 2006, 2010 e 2014, ganhando três títulos e um vice-campeonato. Campeão olímpica, a seleção tenta retomar a hegemonia mundial com a conquista de seu quarto título. 

Brasil
Bruninho, Wallace, Lucão, Lipe, Isac e Thales (líbero)
Entraram: Douglas Souza, William, Evandro, Lucas Loh, Kadu, Maurício Souza e Maique
Técnico: Renan Dal Zotto
Rússia
Volkov, Mikhaylov, Muserskiy, Kliuka, Kurkaev e Verbov (líbero)
Entraram: Butko, Poletaev, Grankin e Berezhko
Técnico: Sergei Shliapnikov

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade