Mundial de Clubes - Masculino

  • Crédito: Sada Cruzeiro/Twitter

    Cruzeirenses visitaram a Tauron Arena, em Cracóvia, um dos mais modernos ginásios da Europa.

Cruzeiro desafia europeus por título

Bicampeão é o único fora do Velho Continente na semifinal, que reúne russos, poloneses e italianos
Por: Redação - 15/12/2017 19:56:38
657 visualizações

O mundial de clubes que acontece na Polônia tem um roteiro que pretendia transformar o Sada Cruzeiro em coadjuvante, mas que o clube brasileiro resolveu protagonizá-lo. Atual bicampeão – e também vencedor do campeonato de 2013 -, o time mineiro está na semifinal e desafia três europeus para conseguir chegar ao quarto título.

O adversário deste sábado, às 14h30 (horário de Brasília), é o russo Zenit Kazan, que passou como líder do grupo A e com 100% de aproveitamento – vencendo os três jogos por 3 sets a 0. Na outra semifinal, se enfrentam o italiano Lube Civitanova e o polonês SKRA Belchatow – também neste sábado, às 17h30 (horário de Brasília). No grupo A, o Civitanova foi o único que venceu o Sada Cruzeiro. O campeão europeu impôs 3 a 0, em uma apresentação desastrosa dos brasileiros.

A semifinal em Cracóvia colocará frente a frente dois velhos conhecidos. Sada Cruzeiro e Zenit Kazan decidiram os mundiais de 2015 e 2016, sediados no Brasil, quando os cruzeirenses conquistaram o título nas duas edições, alcançando o tricampeonato. Em 2013, o primeiro título foi sobre o Lokomotiv Novosibirsk, outra equipe russa.

Para o levantador Nico Uriarte, que chegou nesta temporada ao Sada Cruzeiro, o retrospecto entre brasileiros e russos não importa. “O que interessa é o nosso time jogar bem. Para nós, é como se fosse uma final. E é uma decisão mesmo. Nosso time vem melhorando muito nas últimas partidas. Estamos jogando bem e vamos confiantes para este jogo contra o Zenit Kazan”, disse.

Foco e determinação parece não faltar para o grupo do técnico Marcelo Mendez. A sexta-feira teve uma extensa programação, com uma viagem da sede da fase classificatória, Opole, para Cracóvia pela manhã. À tarde, academia para todo o grupo e treino com bola para os atletas que não participaram do jogo de quinta-feira, diante dos poloneses do Kedzierzyn-Kozle.

Em Cracóvia todo o elenco estrelado teve a oportunidade de conhecer a moderníssima Tauron Arena. “Realmente, é um ginásio impressionante, moderno, bonito, muito grande. Disseram que é um dos melhores da Europa e é algo lindo mesmo. Já estamos na expectativa de jogar aqui e fazer o nosso melhor. O povo polonês é mesmo apaixonado por voleibol”, concluiu o capitão Filipe.

Mundial de clubes
Semifinal (horário de Brasília)
Sábado
Sada Cruzeiro x Zenit Kazan, 14h30
Lube Civitanova x SKRA Belchatow, 17h30

Primeira fase 
Grupo A
Zaksa Kedzyerzin 3 x 2 Sarmaye Bank (19-25, 20-25, 25-16, 31-29, 17-15)
Sada Cruzeiro 0 x 3 Lube Civitanova (21-25, 16-25, 18-25)
Zaksa Kedzyerzin 2 x 3 Lube Civitanova (25-23, 21-25, 25-23, 21-25, 16-18)
Sarmaye Bank 0 x 3 Sada Cruzeiro (23-25, 20-25, 22-25) 
Zaksa Kedzyerzin 0 x 3 Sada Cruzeiro (13-25, 30-32, 20-25)
Lube Civitanova 3 x 0 Sarmaye Bank (26-24, 25-17,25-23)
Classificação
1. Lube Civitanova, 8 pontos
2. Sada Cruzeiro, 6 pontos
3. Zaksa Kedzyerzin, 3
4. Sarmaye Bank, 1
Grupo B
Zenit Kazan 3 x 0 Bolivar (25-20, 25-19, 25-17)
SKRA Belchatow 3 x 0 Shangai Volley (25-18, 25-19, 25-21)
Zenit Kazan 3 x 0 Shangai Volley (25-15, 25-16, 25-21)
SKRA Belchatow 3 x 1 Bolivar (23-25, 25-15, 25-21, 25-19)
Shangai Volley 3 x 2 Bolivar (22-25, 25-20, 23-25, 25-18, 15-13)
SKRA Belchatow 0 x 3 Zenit Kazan (27-29, 20-25, 16-25)
Classificação
1. Zenit Kazan, 9 pontos
2. SKRA, 6
3. Shangai Volley, 2
4. Bolivar, 1

 

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade