Mundial de Clubes - Feminino

  • Crédito: Marcelo Piu/Divulgação Sesc

    Bernardinho está à frente do projeto Rexona desde o começo, em 1997.

Rexona confirma mundial

Clube nega que fim da parceria com a Unilever vá interferir na ida para o Japão, em maio
Por: Redação - 15/03/2017 19:33:46

Campeão sul-americano, o que garantiu dentro de quadra a vaga para o mundial, o Rexona-SESC afirmou no início da noite desta quarta-feira que vai disputar o torneio da FIVB, em maio, no Japão, ao contrário da informação de que poderia desistir do torneio em função da saída da Unilever do projeto.

A assessoria da multinacional assegura que a parceria com o time de voleibol feminino do Rio se encerra só depois do mundial. Portanto, não será por falta de apoio que a equipe deixará de buscar mais uma conquista internacional. Sob o comando do técnico Bernardinho, o time sustentará o nome Rexona-SESC em Kobe, no Japão, de 8 a 14 de maio.

Após o mundial da FIVB, o SESC passa a assumir integralmente o projeto de voleibol do Rio para a temporada 2017/2018. Com a Unilever, a parceria durou 20 anos, começando em Curitiba. Em seguida, mudou-se para o Rio de Janeiro, onde consolidou-se como potência do voleibol feminino nacional, ganhando 11 títulos de Superliga.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade