+ Notícias

  • Crédito: Divulgação/CBV

    Na Superliga 2015/16, Tandara foi uma das jogadoras mais eficientes no saque.
  • Crédito: Divulgação/CBV

    Ponteira não esconde a emoção de ficar longe da pequena Maria Clara.

Tandara, mãe de primeira viagem

Defendendo a Seleção Brasileira, jogadora terá que ficar longe da filha nesta temporada
Por: Redação - 06/05/2016 11:54:42

A vida da campeã olímpica Tandara mudou bastante nos últimos meses. Em setembro de 2015, a atacante se tornou mãe pela primeira vez com o nascimento da pequena Maria Clara, fruto do relacionamento com o também jogador do vôlei Cléber. Sete meses depois, a oposta está de volta ao Centro de Desenvolvimento de Voleibol , em Saquarema, no Rio de Janeiro. Após uma temporada de ausência, a jogadora foi novamente convocada pelo treinador José Roberto Guimarães e treina com grupo brasileiro que se prepara para buscar o tricampeonato dos Jogos Olímpicos.

Tandara fez uma ótima temporada 2015/16 defendendo o Camponesa/Minas, mesmo longe da preparação ideal e se recuperando do procedimento de gravidez. A jogadora, de 27 anos, comentou sobre a mudança na rotina de treinamento e do retorno às quadras. “Voltei a treinar com 30 dias depois de ter a Maria Clara e a readaptação aos treinos não foi fácil. Ainda hoje sinto um pouco de fraqueza no abdômen, mas trabalho forte todos os dias na quadra, na academia e no pilates para voltar a minha melhor forma. O meu retorno foi muito rápido e espero estar bem para conseguir uma vaga nos Jogos Olímpicos”, revelou.

Com a intensa rotina de treinamentos em Saquarema, Tandara já se prepara para os momentos longe da filha. “Com a Maria Clara, aprendi a ser mãe, mulher e atleta. É difícil, mas a vinda da Maria Clara para Saquarema foi muito boa. Estou me acostumando aos poucos a ficar longe dela. Semana passada ela ficou em São Paulo com o Cléber e já estamos nos preparando para o Grand Prix quando terei que ficar um tempo maior longe dela. Nesses momentos de distância, procuro ficar o máximo de tempo em contato com ela pela internet”, afirmou.

O próximo domingo, dia 08 de maio, será uma data muito especial para Tandara e a jogadora não escondeu a emoção. “A sensação é muito diferente. Será o meu primeiro dia das mães e vivo um momento de muita felicidade. Posso dizer que a Maria Clara é minha força e meu combustível de cada dia”, garantiu.

Em Saquarema, a Seleção Brasileira continua a preparação para o Grand Prix e para os Jogos Olímpicos do Rio.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade